sábado, 25 de fevereiro de 2012

E assim eu fico sem palavras =)

"... E isso simboliza o teu coração, que por ser pequenino, fica tudo muito concentrado, e como está tudo apertado, só há espaço para uma pessoa. Por isso é que és especial e diferente de todas as outras."  *.*


É. É pequenino porque foi esmagado durante muito tempo, e chego a ter medo que, de tão fechada que ficou a entrada para o coraçãozinho, não consiga entrar lá mais ninguém.

terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

Onde é que eu já li isto ..

‎"I'm selfish, impatient and a little insecure. I make mistakes, I am out of control and at times hard to handle. But if you can't handle me at my worst, then you sure as hell don't deserve me at my best." — Marilyn Monroe

domingo, 19 de fevereiro de 2012

+.+

Li e adorei: 
"Não importa quanto vai durar, é infinito agora."

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Desabafo número 257479023400

"Gosto mesmo muito de ti, muito mesmo. Mas nunca assumimos nada, e eu quero conhecer outras coisas."

Ya, obrigada por valorizares o facto de eu estar à espera.
E o pior é que eu gosto muito dele, por isso continuo a esperar, e ignoro estas coisinhas para nem me chatear. Mas não me saem da cabeça, ando para aqui às voltas com isto. Como sempre.

Porque se não quer, que deixe. Credo, pequenas frases fazem-me sentir tão mal, tão magoada. E as pessoas continuam a confundir tristeza com mágoa.
Well, eu sei qual foi o problema. Dei demais, não?

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Até dá gosto ler coisas assim. :)

"O degrau de uma escada não serve apenas para que alguém permaneça em cima dele. Destina-se a sustentar um pé de um Homem pelo tempo suficiente para que ele coloque o outro um pouco mais alto!
Há quanto tempo estás nesse degrau?"



segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Quando, a cada passo que dás, cais; quando a cada tentativa desprezam o teu esforço (como se só eles se esforçassem), o sonho, a ilusão, a vontade de acreditar, a magia daquilo que esperamos...desaparece. Tenho medo até de me tornar fria, à custa destas coisas todas. Tenho medo de, sem notar, deixar de sonhar, deixar de acreditar, deixar de esperar, de querer viver o que sempre defendi e me propus a esperar. Perde o encanto, e eu nunca pensei.

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Desconfiar daquilo que eu digo, de livre vontade, é o primeiro passo para me perder.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Aprovado =)


Surpreendeu-me, de facto. 
Às vezes, temos dificuldade em dar o que temos. E decidimos esperar, para quando acharmos que vale mesmo a pena. E quando, pela primeira vez, damos um passo que nunca tínhamos dado, deitam-nos os sonhos por terra com um simples gesto.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Decide-te.






"É por isso que és diferentes das outras todas."

sábado, 4 de fevereiro de 2012

Triste vs Chateada

Às vezes devíamos explicar às pessoas que não estamos chateadas, nem amuadas, nem coisa que o valha. Simplesmente ficamos tristes.
É que não tens noção de quão triste me deixas com duas ou três palavras que ficam cá dentro, um eco que dura dias e dias.
E não, não sou igual a todas as outras, como pensas. Até porque não explodi nem te tratei mal nem gritei contigo. Quando oiço algo que me magoa (entenda-se, que me magoa, não é que me irrite, é algo que me deixe de facto desiludida), não falo para não chorar. Não falo porque estou a tentar apagar o que disseste. Não falo para não dizer algo que te magoe.
Às vezes era giro que fizesses o mesmo.