domingo, 26 de maio de 2013

Miguel Esteves Cardoso, "Os meus problemas"

"Querer alguém, ou alguma coisa, é muito fácil. Mesmo assim, olhar e sentirmo-nos querer, sem pensar no que estamos a fazer, é uma coisa mais bonita do que se diz. Antes de vermos a pessoa, ou a coisa, não sabíamos que estávamos tão insatisfeitos. Porque não estávamos. Mas, de repente, vemo-la e assalta-nos a falta enorme que ela nos faz. Para não falar naquela que nos fez e para sempre há-de fazer. Como foi possível viver sem ela? Foi uma obscenidade. Querer é descobrir faltas secretas, ou inventá-las na magia do momento. Não há surpresa maior."

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Passe o tempo que passar, por mais que se mostre força, há coisas que continuam a fazer falta.
Vês, não tens, e sentes falta daquilo que nunca tiveste.
Porque vais tendo, e vão-te tirando.