sábado, 12 de setembro de 2009

Atingida por turbilhão de coisas, tudo tão junto, tudo tão seguido...
Tanta papelada, casa, viagens, matrículas, inscrições, condução, que dor de cabeça! -_-'
Sinto que não tenho tempo para o que mais preciso, que algumas coisas me escapam por entre os dedos... Ainda estou em transe.
Não consigo aproveitar a 100% momentos tão bons, e cada vez mais penso que eles deveriam durar para sempre.
Por vezes estou tão envolvida em pensamentos, recordações e desejos, que a queda para o "agora" se torna ainda mais dolorosa.
Aquela sensação de fechar os olhos e sentir exactamento o mesmo perfume de quando estávamos ali, o cheiro a tabaco quando fomos para lá, aquele toque suave e carinhoso quando ele disse aquelas palavras, o aconchego daqueles braços quando a lágrima caiu, os desabafos, os sorrisos, o piscar de olhos aqui e ali, as refeições, as mãos dadas, as brincadeiras, as constantes e compulsivas trocas de olhares...
A sensação de abrir os olhos e constatar que está tudo cada vez mais longe... Só a vontade de voltar a ter estes momentos é que fica cada dia mais perto.

Tantas coisas que nunca se vão perder, mas que agora mal consigo parar para pensar, com tanta coisa para fazer agora, e daqui a cinco minutos, e daqui a meia hora...
O importante é conservar sentimentos. O resto, o futuro o dirá.

<3

Para ti, que sabes quem foste, e quem és aqui dentro.



quarta-feira, 2 de setembro de 2009


Era uma vez, uma menina muito fofinha, que gostava de agradar a todos.
E outra menina perto dela... Que se assemelhava a ela pelo facto de adorar mimos, de se preocupar demais com os outros.
Essas meninas somos nos...
Eu gozo taaaaaaantas vezes contigo, eu estou seeeeempre na brincadeira contigo, e até sei que te deixo ficar mal em qualquer lado, mas sempre com uma gargahada no fim, verdade? :D
Sabes, em relação àquele texto das torneiras abertas (lol), eu nunca abri contigo porque não abro com ninguém a menos que esteja mesmo mesmo mesmo mal.
No entanto, sabes que sempre que quiseres, eu estou aqui para ajudar a fechar a tua torneirinha, como quando estavamos as duas naquela casa de banho minuscula :'D (isto soou perverso, nao?? :'D lol)Sim, estas no grupo porque por mim estás, capiche? :)
Não quero que chores a ler isto, mas pronto, já estou mesmo a ver a tua cara; a ideia era só mostrar que também gosto muito de ti.
E no dia em que nao estiveres a falar com os teus moços todos :D e quiseres desabafar with me, nem preciso dizer nada, pois nao?? *.*
Bah, chega =)
beijinho grande para ti, antes de inundemos Vila Meã!