quarta-feira, 23 de junho de 2010

Excertos de pensamento

"...
Não resistem.
E sente a vontade de dizer-lhe tudo, mas não.
E corre contra todas as vontades para fazer durar o sentimento.
Ele olha-a nos olhos. É o melhor e o pior que lhe pode fazer.
Porque ela morre de vergonha ao ter direccionado para ela um olhar tão perfeito.
Porque ela morre de felicidade ao sentir-se única nesse momento.
..."


  

5 comentários:

Anónimo disse...

Adoro como escreves, se nao deres farmaceutica, dás escritora ;)

Liliane disse...

*.* Obrigada. Nem consigo dizer mais nada =)

Daniela Pinto disse...

"Amor é fogo que arde sem se ver,
é ferida que dói, e não se sente;
é um contentamento descontente,
é dor que desatina sem doer.

É um não querer mais que bem querer;
é um andar solitário entre a gente;
é nunca contentar-se de contente;
é um cuidar que ganha em se perder.

É querer estar preso por vontade;
é servir a quem vence, o vencedor;
é ter com quem nos mata, lealdade.

Mas como causar pode seu favor
nos corações humanos amizade,
se tão contrário a si é o mesmo Amor?"

Quem melhor que o nosso Poeta pra descrever o que acho que estás a sentir?? A única coisa que posso dizer é para não desistires sem teres tentado...não deixes passar a tua oportunidade:)

Tu mereces...e vais fazer alguém muuuuuuuuuuuuuuiiiito feliz :*

Liliane disse...

A professora não existe :)
*.*

Sílvia disse...

A professora tem razão! E é o que te tenho andado a dizer... Não desistas sem teres tentado!

=)

adoro-te!