terça-feira, 14 de junho de 2011

Coisas que cativam.

"É a história de um amor proibido.
Ela passa e ele não resiste.
Encanta a necessidade que ele tem de a ter, e a necessidade que ela tem de fugir.
Não podem.
Ela tem toda a sensualidade do mundo, mas com um toque de inocência.
Mas não é uma mulher fatal.
No fundo, ela é a vítima e ele o vilão."

Sem comentários: