domingo, 4 de março de 2012


   Aquele colinho que te protege de tudo, quase te faz adormecer de felicidade.
   Aquele momento em que fechas os olhos e imploras ao tempo para não passar tão depressa, para não te tirar esta segurança.
   Aquele carinho na bochecha, o beijinho no nariz e na testinha, o compôr o cabelo, os rostos encostadinhos...
   Oh, porque é que sonhamos tanto? :)

Sem comentários: